Recuperação asfáltica intensificada neste final de semana em Ilhéus.
redação

O trabalho de recuperação asfáltica em Ilhéus não parou neste final de semana. Hernani Sá, Parque Infantil, Litorânea Norte, 13 de Maio, Avenida Lomanto Júnior, Centro, Rua da Linha. Em vários pontos da cidade, homens e máquinas trabalharam nos três turnos para dar conta do trabalho. Cálculos do superintendente de Obras do município, engenheiro Rafael Castro Lima, dão conta que já foram produzidos pela Usina Municipal mais de 2800 m2 de asfalto, utilizados no recapeamento de pistas em apenas quatro dias de trabalho.

 

A Usina de Asfalto pertence à Prefeitura mas é operada pela empresa CMA Comercial LTDA. Em abril a empresa foi notificada e teve sua operação embargada. Segundo a Seplandes, havia a suspeita de contaminação do lençol freático, situação de graves consequências em longo prazo, que necessitava ser investigada com critérios técnicos já que, além dos prejuízos ambientais, a descontaminação de um lençol freático tem custo financeiro altíssimo.

 

O Ministério Público do Estado da Bahia tomou conhecimento do caso e o IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais) esteve no local. No entanto, após verificações e estudos, os danos ambientais foram descartados. Mesmo assim, a empresa firmou um Termo de Compromisso de Responsabilidade Ambiental para voltar a atuar.

 

A Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Trânsito (Seintra) deu todo suporte técnico à CMA para retomada da operação. Realizou mapeamento e medição dos buracos na cidade e preparou um plano de ação para agilizar a volta dos serviços.

 
 
mais notícias....